15 Formas de Destruir um Relacionamento Feliz

Achei essa matéria muito interessante e gostaria que todos vocês tivessem um pouco de atenção pra ela.
Porque às vezes nós destruímos relacionamentos bacanas por coisas bobas e evitáveis. Em favor de quem se ama vale a pena abdicar de algumas coisas (isso serve para os dois lados do relacionamento).

Vou falar de como destruir um relacionamento Feliz, porque como a própria autora das dicas disse: "Manter um relacionamento desses que você vai procrastinando o término é fácil."

Vamos analisar essas questões e evitá-las:


15 Formas de Destruir um Relacionamento Feliz


1. Seja explosivo e impulsivo, diga coisas sem pensar das quais você se arrependerá depois.
2. Durante discussões, fale bem alto. Grite. Vá aumentando o volume da sua voz a medida que seus argumentos vão se esvaziando. Quanto menos razão você tiver, maior o escarcéu que você deve fazer.
3. Envolva sua família na briga. Sim, use esse recurso infantil para fugir de problemas mal resolvidos enfiando sua mãe, tia, avô e quem mais der no meio da confusão.
4. Nunca peça desculpas.
5. Desconte seus problemas no parceiro.
6. Fuja de discussões. Deixe o outro falando sozinho. Saia de casa no meio de uma DR, não atenda ao telefone, não responda mensagens, não retorne e-mails. Finja que não é com você, assim, quando a poeira baixar, você volta a agir normalmente como se nada tivesse acontecido. Essa é uma tática legal porque assim pequenos problemas vão se acumulando até virar uma bola de neve, e vocês chegam a um estado explosivo no qual um telefone não atendido ou uma toalha em cima da cama vira motivo pra uma treta gigante.
7. Nunca diga o que você realmente sente. Esconda seus sentimentos na base do “aham, nāo é nada”. O segredo é deixar o outro adivinhando o que você quer.
8. Coloque em prática no seu relacionamento o famoso dito “dois pesos, duas medidas”. Cobre sempre coisas que você não vai se comprometer a respeitar.
9. Nunca se coloque no lugar do outro.
10. Nunca escute o outro. Não preste atenção naqueles detalhes chatos da vida dele que ele insiste em te falar. Deixe entrar por um ouvido e sair pelo outro. Isso é matéria-prima para mais discussões nas quais ele vai citar essas chatices e você nunca vai entender do que ele tá reclamando.
11. Esqueça-se de datas importantes do relacionamento. Mate “rituais” que vocês cultivaram. Quando der presentes, não envie cartões.
12. Seja excessivamente ciumento. Sabe aquele lance de que o ciúmes é o ~tempero~ do amor? Então, manda ver! Projete todas as suas inseguranças em possessividade, ao ponto de tentar colocar o outro numa cúpula. Reclame do amigo do sexo oposto, de chamadas não atendidas, ligações não feitas, daquele vestido curto, do decote profundo, daquela noite que ele preferiu a companhia dos amigos do futebol já que vocês saíram as ultimas cinco sozinhos. Tenha ciúmes de tudo e de todos.
13. Relembre sempre de ex-namorados e fique fazendo comparações desnecessárias entre os relacionamentos.
14. Perdoe, mas nunca esqueça. Sempre traga à tona nas discussões assuntos que já foram teoricamente resolvidos.

15.  O amor sobrevive de sutilezas, então trate de matá-las. Deixe de prestar atenção nos detalhes que compõem a beleza do outro.

(obs: Assumo que o 12 eu preciso melhorar e MUITO. Mas tudo bem!)

Vamos tomar cuidado minha gente? Não adianta só falar: "Que seja eterno." Tem que fazer ser. E relacionamento é molde, você muda por ele, ele muda por você.

Espero que vocês levem isso pra vida de vocês.

Beijocas.